Boa noite, Visitante (Efetue seu login)
Boa noite, Visitante (Efetue seu login)

ENTREGA GARANTIDA

ENVIAMOS PARA TODO O BRASIL

PARCELAMENTO

EM ATÉ 12X NO CARTÃO

COMPRA FACILITADA

MAIS DE 10 FORMAS DE PAGAMENTO

100% SEGURO

SUA COMPRA PROTEGIDA

Armazem para logistica

 

Missões de um armazém

 

armazém tem dentro de uma empresa um papel importante, contribuindo para o bom funcionamento da cadeia logística.

A missão de um armazém é expedir produtos com qualquer configuração, para o passo seguinte da cadeia logística, sem os danificar ou modificar de forma indesejável. Para isso há muitos passos a dar e, portanto, algumas oportunidades de melhoria nas operações do armazém, que podem ser aproveitadas. Melhorando os métodos, tem-se melhor desempenho. Se o armazém não conseguir processar as encomendas de forma rápida, eficaz e precisa, então os esforços de melhoria da cadeia logística da empresa irão ser prejudicados. A tecnologia de informação e a distribuição desempenham um papel importante na melhoria das operações do armazém. O melhor sistema de informação, no entanto, não servirá de nada se os sistemas físicos necessários para fazer sair os produtos do armazém tiverem restrições, forem mal utilizados ou estiverem desactualizados.

 

Oportunidades de melhoria nas operações

Há muitas oportunidades de melhoria nas operações de armazenagem, que podem tornar mais eficientes as operações de processamento e expedição das encomendas num armazém. Nessas oportunidades estão incluídas actividades, tais como, a separação e preparação de pedidos,cross-docking, produtividade, utilização do espaço e serviços de valor acrescentado.

  • Melhorar as operações de separação e preparação de pedidos. A separação e preparação de pedidos é considerada a operação onde a empresa despende a maior parte do seu tempo e dinheiro, tentando com isso melhorar a sua produtividade. Ter uma separação e preparação de pedidos bem sucedida é fundamental para o bom funcionamento do armazém. Por esse motivo, é legítimo dizer que os requisitos das cadeias logísticas, hoje em dia, levam as operações de armazém a desenvolver melhores soluções para a separação e preparação de pedidos.

  • Utilização do cross-docking. O cross-docking pode ocorrer a vários níveis, seja no produtor, distribuidor, retalhista ou transportador. Os requisitos são diferentes, variando para cada operador, isto porque, enquanto uns enviam as encomendas para serem cross-docked, outros recebem encomendas cross-docked. O receptor solicita que as encomendas cheguem ordenadas e etiquetadas, enquanto que o expedidor, para ir de encontro dos requisitos do receptor, tem de realizar o processo de separação e preparação dos pedidos mais detalhadamente.

  • Aumentar a produtividade. No passado, a produtividade estava directamente relacionada com o «fazer mais rápido, com menos pessoas». A maximização da utilização de espaço, equipamento e mão-de-obra sempre foi o primeiro objectivo da armazenagem. Isto implica que a produtividade não está apenas relacionada com o desempenho da mão-de-obra, mas também com o espaço, equipamento e uma combinação de factores que contribuem para aumentar a produtividade.

  • Utilização de espaço. Quando um armazém atingia 80% da sua capacidade de ocupação, chegava-se à conclusão de que era necessário mais espaço, porque, com essa ocupação, arrumar um produto tornava-se mais demorada. Se ocorre um aumento do tempo de encontrar um local para arrumar um produto, o armazenamento adequado do produto vai-se deteriorando. Itens com pouca saída são guardados em localizações para produtos com muitas movimentações e estes são guardados em localizações para produtos com pouca saída. Isto dá origem a uma diminuição na produtividade e um aumento de estragos e enganos, tudo por má utilização de espaço.

  • Aumentar os serviços de valor acrescentado. O papel dos armazéns já não se restringe apenas à recepção e expedição. Esse papel foi alargado, incluindo serviços que permitem que as operações no armazém de recepção se tornem mais eficientes, beneficiando o cliente. Seja a nível da pré-separação e da etiquetagem dos produtos para um eventual cross-docking ou de uma personalização do produto a expedir, os requisitos dos clientes estão cada vez mais exigentes.

Individualmente ou combinadas, as oportunidades descritas anteriormente, podem ser encontradas na maioria dos armazéns. Alterou-se, assim, a definição antiga de que o armazém é um local apenas para armazenar, reconfigurar e diminuir prazos de entrega. O armazém tornou-se muito mais complexo e totalmente movido pelas novas tecnologias.

Funções do armazém

Os armazéns são espaços idealizados para armazenar produtos em quantidade, onde habitualmente esse armazenamento não é feito de uma forma aleatória, isto porque estes mesmos armazéns servem como plataformas de escoamento. Assim, pretende-se que os mesmos tenham uma estrutura coerente e organizada permitindo com isso recepcionar, manobrar e expedir os mais diversificados tipos de produtos com um controlo moderado das condições ambientais e de segurança

Evoca-se e bem, que a principal função de um armazém é todo o processo inerente à sua capacidade de organização interna, geri-la permite falar-se de processamento e gestão de stocks. Essa boa gestão permite o encaminhar dos diferentes produtos para os diferentes clientes, estabelecendo um circuito devidamente identificado que se inicia na recepção de um produto até ao seu escoamento. Considerando este percurso, podem-se definir várias funções de desempenho dentro de um armazém

  • Recepcionar os produtos. Os produtos chegam a um armazém por diversos meios, a partir do momento em que entram, o armazém torna-se o «fiel depositário» , tendo como função principal o responsabilizar-se por todo o material.

  • Configurar os produtos. Ao entrarem os produtos tem de ser registados, esse registo é feito com o número de entrada, marcação por meio de um código, ou qualquer outro processo considerado adequado.

  • Qualificar os produtos. No espaço de armazenagem existem áreas específicas para os diversos produtos, o que permite uma localização e uma armazenagem mais criteriosa.

  • Expedir os produtos para o armazém. Com o tipo de armazenagem específica e objectiva torna-se mais fácil o manuseamento e pesquisa do produto.

  • Separação e preparação de pedidos. No armazenamento, os produtos são acomodados e protegidos até serem seleccionados para utilização, o acomodamento correcto permite que o processo de manuseamento se torne mais célere e eficiente aquando do pedido do cliente.

  • Ordenar os pedidos. Os pedidos ao entrarem devem ser verificados até estarem completos, para além disso devem ser analisados exaustivamente para que não se verifiquem quaisquer omissões.

  • Expedição dos produtos. Após a selecção de todos os produtos, estes devem ser embalados (e, enviados para o veículo que efetuar o seutransporte). Ao saírem devem levar sempre os respectivos documentos de expedição (guia de remessa) e o documento financeiro (factura).

  • Organizar os registos. O registo de pedidos é extremamente importante para que exista uma organização interna, permitindo assim uma reposição correta dos produtos expedidos (reposição de stocks).

Os armazéns têm formas e especificidades diferentes, têm a ver basicamente com o tipo de produto, daí se afirmar que podem ser utilizados como um depósito de um determinado produto, sendo parte integrante do processo produtivo do mesmo; dando como exemplo deste tipo de processamento físico, as caves de vinhos, são meramente pontos de processamento onde o envelhecimento de um produto, neste caso, o vinho ocorre.

Pode afirmar-se que os armazéns têm uma função de proteção, para além da função de gestão de stocks e de controlo e manutenção dos produtos 

Fluxo no Armazém

Todos os armazéns têm fluxos de entrada, fluxos de saída e fluxos entre as diferentes áreas que constituem um armazém. Com base pode-se dizer que um armazém genérico é composto por cinco grandes áreas, entre as quais circulam vários fluxos. As cinco áreas já faladas são então:

  • Recepção - Recebe as mercadorias e remete-as para três áreas diferentes:

    • zona de reserva;

    • zona de separação e preparação de pedidos; ou

    • são cross-docked para a área de expedição.

  • Zona de reserva - Recebe os produtos da área de recepção e reabastece a área de separação e preparação de pedidos.

  • Zona de separação e preparação de pedidos - Recebe os produtos tanto da área de recepção como da zona de reservas e processa os mesmos para as zonas de separação e preparação de pedidos de menos de uma caixa e acumulação, separação, embalagem e unificação.

  • Case picking - Recebe os produtos e envia todos os que estão processados por case picking para a zona de separação e preparação de pedidos.

  • Broken case picking - Recebe os produtos e envia todos os que estão processados por broken case picking para a zona de separação e preparação de pedidos.

  • Zona de acumulação, separação, embalagem e unificação (order-picking) - processa todos os pedidos vindos da zona de separação e preparação de pedidos e reenvia-os para a área de expedição.

  • Expedição - Recebe os produtos enviados directamente da área de recepção, por cross-docking, tal como todos os produtos vindos da zona de separação e preparação de pedidos.

É de notar que em qualquer zona do armazém e em qualquer percurso possam existir outros fluxos, nomeadamente de produtos extraviados e danificados.

 

Startups, Pequenas e Média Empresas
 
Receba diagnóstico completo de sua operação logística.
Envie o  e-mail para nossa equipe
 
 
 
 
 
Phone:   + 55 (11)2225-0354 -  skype: ecommercelogistica             
     
Facebook -  Twitter   -  Linkedin  - Youtube - Blog - Google +

BUSCAR

Informações

Contato

Segurança

Newsletter

Horário de Atendimento

Segunda a Sexta das 9:00 às 18:00

comercial@logisticaecommerce.com.br

(11) 22250354

Vila Carrão, São Paulo

Redes Sociais

Insira aqui o seu e-mail para receber nossas novidades:

OK

Desenvolvido Por


Formas de Pagamento

Copyright (c) logisticaecommerce 2017 - Todos os Direitos Reservados


Boa noite, Visitante (Efetue seu login)

Horário de Atendimento

Segunda a Sexta das 9:00 às 18:00

comercial@logisticaecommerce.com.br

(11) 22250354

Vila Carrão, São Paulo

Insira aqui o seu e-mail para receber nossas novidades:

OK
Copyright (c) logisticaecommerce 2017 - Todos os Direitos Reservados